18 de maio – Dia Nacional da Luta Antimanicomial

Por ocasião do Dia Nacional da Luta Antimanicomial, comemorado neste 18 de maio, recomendo três vídeos fundamentais em torno do tema da saúde mental, todos eles produzidos em solo nacional.

1) Estamira (2004)
Sinopse: O documentário retrata o cotidiano de Estamira, uma senhora portadora de doença mental que vivia e trabalhava no aterro sanitário de Jardim Gramacho. Ela tornou-se famosa pelo seu discurso filosófico, uma mistura de extrema lucidez e loucura, que abrangia temas como: a vida, o trabalho, Deus e reflexões existenciais acerca de si mesma e da sociedade. O documentário teve repercussão internacional, angariando muitos prêmios e o reconhecimento da crítica. [Adaptado da Wikipédia.]

2) Bicho de Sete Cabeças (2001)
Sinopse: O filme conta a história de Neto, um jovem que é internado à força num hospital psiquiátrico depois que o pai descobre um cigarro de maconha em seu casaco. Lá, Neto é submetido a condições de tratamento degradantes e inadmissíveis e, junto com os demais pacientes, sofre inúmeros abusos. O filme foi amplamente aclamado, recebendo vários prêmios e indicações, e o seu impacto colaborou para a aprovação no Congresso Nacional da lei que proíbe a construção de novos manicômios. [Adaptado da Wikipédia.]

3) Aqui, Doido Varrido Não Vai Pra Debaixo Do Tapete (2010)
Sinopse: Através das histórias de vida de pacientes, familiares e equipe médica, o documentário busca desconstruir os estereótipos e preconceitos que cercam a doença mental. [Adaptado da descrição do vídeo no Youtube.]